Uma data dedicada à reflexão


Zumbi dos Palmares, o negro que lutou por seus irmãos em uma outra época contra as injustiças humanas é o homenageado no Dia da Consciência Negra. Na aldeia do Quilombo de Palmares, foi prisioneiro ainda recém nascido, educado pelo Padre Antônio Melo da freguesia de Porto Calvo, batizado com o nome de Francisco, foi coroinha, estudou latim e português. Corajoso e com grande capacidade de organização e comando, tornou-se um mito entre os negros.

Lutava não pela sua liberdade e sim pela liberdade de todos os negros e índios que viviam em Palmares.

E nesse dia não se comemora também a consciência indígena?

Ser diferente não é ser inferior, reza a cartilha. O grande preconceito, não de nossa sociedade, mas do mundo todo, é o preconceito contra a pobreza.

O pobre é tratado diferente em qualquer sociedade. Devemos então contribuir para que as diferenças sociais sejam diminuídas. Não vamos negar a cordialidade construída pelo mito da democracia racial, já que o conflito étnico ainda não foi resolvido.

O modelo de negro bem-sucedido ainda mantém vínculos com o integracionismo. Percebe-se claramente que as discussões sobre as questões raciais ainda estão restritas a militantes ou à intelectualidade.

O país aproveitou mais um dia de feriado, mais um dia de um maldito feriado, para endossar a imagem daquele brasileiro visto como vagabundo e indolente que não gosta de trabalhar*. Ainda bem que nem todos brasileiros se enquadram nesse perfil.


Se a consciência racial sugere uma mudança de atitude, que ela seja baseada em informação e articulação de mentes que possam transformar a sociedade com valores de igualdade, justiça e paz.

É olhar para o espelho e ter orgulho da si, independente se sua pele é branca, negra ou parda.


Eu fui e foi maravilhoso!!

*Com a reforma trabalhista, a tendência é que os feriados não santos passem a ser computados nos Sábados, já que agora feriados prolongados deverão ser negociados.

Te adiós, tédio!


O ritual de pulverizar as cinzas dos defuntos após a cremação, certo ou errado?


Uma aranha paciente e silenciosa

"E tu, ó minha alma, onde você está, envolta, isolada, nos oceanos imensuráveis ​​do espaço..."


Duas cidades, duas mulheres

...bisbilhotaram em quietude, sem solidão

PlagSpotter - duplicate content checker tool
Licença Creative Commonsget click

Algumas coisas não têm preço


finalista the weblog awards 2005finalista the weblog awards 2006
finalista the weblog awards 2007weblogawards 2008
Verificar conteúdo duplicado

Me leve com você...

Leia o luz no seu celular

Copyright  © 2014 Luz de Luma, yes party! Todos os direitos reservados. Imagens de modelo por Luma Rosa. Publicações licenciadas por Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial- Vedada a criação de obras derivadas 2.5 Brasil License . Cópia somente com autorização.

Tem sempre alguém que não cita a fonte... fingindo ter aquilo que não é seu.

Leia mais para produzir mais!

Atenção com o que levar daqui. Preserve os direitos autorais do editor